Uma pergunta que muitas vezes nos deixam pensativos é: “Será que é melhor separar meus perfis na rede social?”

Bom, hoje o mercado de trabalho vem cada vez mais ganhando visibilidade na internet.


Se você não quer que a conexão profissional tenha acesso a sua rede privada, é um momento para refletir sobre o assunto. O que te levou a procurar essa matéria? O que te levou a ter essa dúvida sobre suas redes sociais? Primeiro passo será responder para si próprio essas perguntas.

Há sempre uma preocupação relacionada sobre qual a maneira certa de utilizar as redes sociais, quais impressões estamos passando, o que devo ou não fazer e o que funciona e não funciona.

Antes de finalizar o assunto precisamos pensar que essas redes são canais de distribuição, assim, você precisa entender qual o seu objetivo ao estar presente nas redes, além de entender também o que se adapta melhor ao seu contexto.

Com base no assunto, te trago algumas reflexões que podem ajudá-lo a tomar essa decisão: mantenho duas contas separadas no Instagram ou invisto em apenas uma?

Você é um só.

Ou seja, não há separação entre quem você é na vida pessoal e na vida profissional. Afinal, você é única e possui princípios e valores, gostos, hobbies, estilo de vida, também únicos.. Mesmo que haja adaptações ao ambiente, seja de estilo ou de comportamento, você na essência é a mesma pessoa.

E quanto mais coerente uma marca pessoal for, em suas falas, ações, atitudes e imagem – mais confiança ela gera.

A lógica do Brandingferramenta de gestão da sua marca pessoal na qual deve ser levada em conta antes mesmo de qualquer marketing, afirma que sua marca pessoal corresponde aos seus posicionamentos, fazendo com que as pessoas nas quais lhe seguem, compreendam com clareza sua história e o que você realmente quer passar para elas.

Então o que precisa ocorrer é a coerência entre quem você é na sua verdade e no âmbito profissional, mesmo que a escolha certa seja separar o perfil pessoal do profissional.

Auto confiança é a chave mais importante. Se você me passa coerência eu vou confiar em você.

Por isso, não acredito em contas que são separadas com o objetivo único de mostrar a vida com filtros e a vida sem filtros. Se eu parar para pensar o porque de seguir alguém, vou entender que muitas vezes sigo alguém que me passa verdade, o quero como seguidor e estou lá para ver a sua vida pessoal, e entender que mesmo perante ela, você também atua com seriedade em sua carreira.

Quer dizer então que devo ter uma conta com tudo misturado? Não necessariamente. Existem outros motivos pelos quais você pode querer ou precisar ter suas contas separadas.

Dois principais motivos que podem levá-la a ter duas contas:

Se o seu Instagram é o única plataforma que oferece para saber mais sobre o seu trabalho ou é o único local onde compartilha o seu conhecimento não o desperdice.

Vamos analisar mais um pouco para deixar sua mente mais clara, observando esses dois motivos para você ter duas contas no instagram:

Se você tem um blog, um site ou um canal do youtube para disseminar esse conteúdo mais denso, pode não ser necessário você ter um perfil diferente, já que pode direcionar os mais interessados a uma outra plataforma.

Você possui uma marca empresarial:

Pessoas que possuem uma empresa, ou seja, que criou alguma marca. Pois de fato não estamos mais relacionando a vida pessoal a um autônomo, e sim uma pessoa e a uma empresa.

Além disso, é possível e saudável conectar marca empresarial com marca pessoal, desde que haja coerência.

Algumas ações podem ser feitas para adicionar valor a sua marca, como: aparecer no storie do Instagram, gravar vídeos para sua empresa, mostrar bastidores, fotografias que façam sentido, depoimentos dos clientes, etc.

Situações que sugerem separar o perfil pessoal do profissional: lojas de diversos segmentos (roupas, joias e semijoias, etc), marcas de papelaria, ateliê, restaurantes e pizzarias, gráficas, e muitos outros.

Você possui duas propostas ou serviços muito diferentes

Vamos supor que você é cerimonialista mas também ama maquiagem, e então decide trabalhar nas horas vagas maquiando.

Um serviço é diferente do outro e por isso faz necessário criar duas contas para divulgar seus trabalhos. Para que assim, o perfil não fique tóxico e com muita informação, a ponto de fazer com que a pessoa não queira acompanhar seu perfil devido ao alto número de informações divergentes. Pois de fato tudo o que é confuso, acaba sendo ignorado.

Em conclusão, duas contas nesse caso é ótimo para não criar incerteza ou desinteresse de quem te conhece pela primeira vez.

E assim, pessoas interessadas em cada nicho irão te acompanhar e se conectar com você.

Vida íntima x vida pessoal

– Eu não gosto de expor a minha vida pessoal, a minha vida em família, etc.

Você não precisa.

Ao mesmo tempo é importante entender a diferença entre vida pessoal e a vida íntima.

Não precisamos expor o que comemos/bebemos ou o que lemos antes de dormir para toda nossa rede, e ai se abre o leque sobre uma nova plataforma do instagram que é o chamado “melhores amigos” – Lá limita as pessoas que você quer que tenha acesso ao seu stories – Mas é sempre importante lembrar que nada é privado e que um print pode vir também a se tornar público.

Ao mesmo tempo, é possível expor um pouco mais sobre a sua pessoa, gerando assim um conexão com o seu público, sem nos sentirmos desconfortáveis. Afinal, sua vida não será um livro aberto se você tiver no seu feed uma foto em família ou com o seu cachorro. Você está apenas mostrando um pouco mais sobre você ou até mesmo o que valoriza. O que é diferente de ter a sua vida íntima exposta.

E aqui, algumas razões que podem levá-lo a ter apenas uma conta:

– Você tem duas contas e atualmente percebeu que quantidade não é qualidade, já que as duas contas não vem gerando conteúdo seja por falta de tempo ou até falta de criatividade. Ou você quer simplificar suas estratégias e investir menos tempo em estar alternando em contas diferentes.

– Você tem um plano e entende de que forma incorporar posts da sua vida pessoal na conta profissional sem que confunda ou distraia o público do que realmente o interessa. – E é nesse assunto que queremos te ajudar. Deixe o seu e-mail aqui para mais conteúdos e gerador de conhecimento para você e sua marca.

– Você tem um outro canal para mais conteúdo aprofundado sobre o assunto ou para mais informações sobre o que você oferece, seja um site, um portfólio, um blog entre outros canais de comunicação.

– Você não tem a necessidade de espontaneamente postar tudo o que você acha interessante ou o que você vive no seu dia a dia

No meu caso, eu tenho contas separadas, devido a minha ser pessoal e gerador de conteúdo @anaflaviaorozco , e a conta do meu trabalho com marketing e geração de conteúdo que é uma marca @tudono.ar as duas contas se unem, e é através da minha conta pessoal que irei levar o público para a minha marca. Porém, ter uma conta pessoal e outra para gerar conteúdo como influenciador não gera valor para mim, já que o meu público tem como interesse ver a minha verdade e como trabalho o meu eu também profissional.

Não quer dizer que o que eu faço é a melhor fórmula, mas sim o que funciona pra mim e me traz os resultados que eu busco. É preciso, novamente, ter sempre em mente antes de aplicar fórmulas ou as recomendações: quais os meus objetivos com esse canal de distribuição? O que eu quero distribuir e para quem? O que se adapta ao meu contexto e à minha rotina? Com o que eu me sinto mais confortável? O que eu quero afinal pra mim, ao usar essa rede social?

Espero ter te ajudado, e que através do nosso site você busque resposta para suas dúvidas e também aprenda a aplicar estratégias inteligentes para o seu negócio.

Nos conta aqui o que você achou desse conteúdo e o que mais você quer ver por aqui.


0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.